1 - I Congresso Internacional Lélia Gonzalez O evento ocorre entre os dias 24 a 26 de novembro e é organizado pelo Grupo de Pesquisa...

Tá rolando...

1 - I Congresso Internacional Lélia Gonzalez O evento ocorre entre os dias 24 a 26 de novembro e é organizado pelo Grupo de Pesquisa Lélia Gonzalez. O congresso tem como objetivo debater questões ligadas aos movimentos sociais, direitos humanos, gênero, desigualdades sociais, violências, educação popular e teorias decoloniais do campo das ciências humanas e sociais. Será um encontro de estudantes, docentes e militantes do Brasil, além de também contar com a participação de colegas da Argentina, de Cuba, do México, de Porto Rico e da Colômbia. A atividade conta com mesas de abertura, mesa de encerramento, mesas redondas e GTs para apresentação de trabalho. As vagas são limitadas e os valores de participação são de 18 reais (ouvintes) e 25 reais (apresentação de trabalho). O formato de realização é remoto e ocorre por meio da plataforma Zoom. Para maiores informações, envie um e-mail para: grupoleliagonzalez@gmail.com 2 - Tamojuntas - Assessoria Multidisciplinar Gratuita para Mulheres em Situação de Violência O Tamojuntas é uma organização não governamental sem fins lucrativos, fundada em maio de 2016, em Salvador, no Estado da Bahia. A organização é composta por mulheres profissionais que atuam voluntariamente na assistência multidisciplinar a mulheres em situação de violência e que possui voluntárias em diversas regiões do Brasil com atuação local e nacional na perspectiva de denunciar e combater a violência contra a mulher em diversos níveis fundamentando seus princípios, posturas e práticas na perspectiva feminista, antirracista, anticapitalista, anti LGBTQIfóbica. A ONG presta assessoria jurídica, além de assessoria social, psicológica e pedagógica. Os atendimentos reúnem cerca de 70 voluntárias em 30 cidades brasileiras. Além dos atendimentos, a iniciativa também promove a divulgação de conteúdos sobre direitos da mulher em suas redes sociais e realiza eventos como seminários, rodas de diálogo e encontros. Para mais informações, confira o site do Tamojuntas: https://tamojuntas.org.br/ 3 - INÊS E AS LINHAS, POR ANA CLARA VERAS (FESTIVAL FESTIM) O espetáculo “Inês e as Linhas” é um teatro em miniatura de autoria da artista Ana Clara Veras. Usando a técnica boneco de Vara e teatro em negro, Ana Clara Veras conta a história de Inês. Em várias sociedades existem mitos e contos sobre as linhas invisíveis que conectam as pessoas mundo afora. Inês é apenas uma mulher que pode ver essas linhas, inclusive as pode ler. Com os olhos dentro dessa casa, seguimos os elos que nos levam até essa mulher leitora, e as linhas que não pode ler. O espetáculo possui 02 minutos e 04 segundos de duração, possui classificação livre e fez parte da programação da nona edição do FESTIM - Festival de Teatro em Miniatura. Nos dias 23 a 29 de outubro de 2021, o FESTIM promoveu um grande encontro pelas plataformas digitais. A nona edição do Festival foi realizada 100% em formato online. A programação do festival, que agrega conteúdos do Teatro de Animação, Literatura e Audiovisual, contou com a exibição de 50 espetáculos, 5 oficinas virtuais e 7 bate-papos com os artistas participantes. A 9ª edição do FESTIM foi realizada pelo Grupo Girino com recursos da Lei Aldir Blanc, com realização do Ministério do Turismo, da Secretaria Especial de Cultura do Governo Federal, Governo de Minas Gerais, Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais. Não deixem de conferir no youtube! Ficha Técnica do espetáculo “Inês e as linhas”: Texto, manipulação, edição - Ana Clara Veras | Operação de câmera e luz - Javier Díaz Dalannais | Música original - Gleika Veras | Fotos - Ana Clara Veras Link do espetáculo “Inês e as linhas”: https://www.youtube.com/watch?v=s5jYX88ouNU Link para o festival FESTIM: https://www.youtube.com/channel/UC3w5E0qXJXHJmiZk82s4s9A 4. ARTISTA RAFAMON Rafaela Monteiro, ou apenas RafaMon, é artista, carioca, ativista LBGBTQIA+, feminista. Embora tenha nascido na cidade de Monte Sião, Minas Gerais, a artista adotou como casa o Rio de Janeiro. RafaMon possui um estilo colorido e marcantes em suas produções artísticas que embelezam as ruas da cidade carioca. Acompanhe suas produções por meio do instagram @rafamon e confira seu trabalho em: https://www.rafamon.com.br/index.html 5. CANTORA MARIANA FRÓES Mariana Froes é uma jovem cantora e compositora brasileira. Com apenas 18 anos de idade, Mariana tem trilhado um caminho de sucesso nas redes sociais, meio em que ficou conhecida com a divulgação de seus trabalhos. Nascida em Goiânia- GO, Mariana Fróes cria versões próprias de músicas famosas, tais como “Girassóis de Van Gogh”, do artista Baco Exu do Blues. A sua versão do single viralizou nas redes sociais. Seu álbum mais recente se chama “Caos” e está disponível em todas as plataformas digitais. Para conhecer melhor o trabalho da artista, acesse o seu canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCAvuRrHQnT-4EVj-oqGUBOA

Image-empty-state.png
  • Instagram